SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: SABEDORIA PARA IMPORTANTES DECISÕES

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: 
SABEDORIA PARA IMPORTANTES DECISÕES  

Introdução: Novo ano, tempo para novos propósitos e decisões. Que tipo de
                    decisões vamos fazer neste novo ano? Como poderemos
                    receber sabedoria de Deus para fazermos as melhores decisões?
                    Alguns passos para receber a sabedoria de Deus e fazermos as
                    melhores decisões:
                   
I – ACEITE QUE DEUS TEM A RESPOSTA, Prov 2:4a7
   a – Deus dá sabedoria mas precisamos buscá-la, v.4
   b – Sabedoria é resultado do temor e do conhecimento de Deus, v.5
   c – Ele dá sabedoria aos que andam em caminhos retos e sinceros, v.6,7
 
 II – PEÇA A DEUS SABEDORIA, Tg 1:2a7
      a – Sabedoria é necessária para o processo de aperfeiçoamento, v.2a4
      b – Deus quer dar sabedoria liberalmente a todos, v.5
      c – Devemos pedir com fé, v.6a7
 
III – CREIA QUE DEUS VAI GUIA-LO, Prov 4:18
      a – Deus vai guiá-lo num processo: como a luz da aurora
      b – Esse é processo sem retorno, Heb 10:39,39
      c – Esse caminho leva a perfeição

IV – FÉ EM AÇÃO, Tg 2:14a26
      a – Fé sem obras é morta, v.17
      b – Fé sem obras é do diabo, v.19
      c – Fé sem obras é insensate, v.20
      d – Obras sem fé é arrogancia, mas fé sem obras é morta

V – CHECK AS DECISÕES COM A PALAVRA DE DEUS, Tg 3:15a17
    a – A sabedoria do céu X sabedoria da terra, v.15
    b – As características da sabedoria de Deus, v.17
   
Conclusão:  A melhor decisão que poderemos fazer para 2018 é vivermos
                     Com base na sabedoria de Deus.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Como está minha vida de sabedoria neste momento?
2 – Quais as 2 maiores coisas que me impedem de viver com sabedoria?
3 – Quais as duas maiores coisas que farei para viver na sabdoria de Deus?

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: O PÃO NA MESA DA PROPOSIÇÃO

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
O PÃO NA MESA DA PROPOSIÇÃO
MT 2:1,2

Introdução: A palavra Belem significa “casa do pão”. Quando Jesus nasceu em Belém,
                      Deus estava querendo dizer que havia pão na padaria. Esse é o verdadeiro
                      significado do Natal. Para entendermos profundamente o significado disso
                      precisamos entender o tabernáculo do velho testamento, onde o pão era
                      colocado no lugar santo, como oferta a Deus e para serem comidos pelos
                      sacerdotes.

I – O TABERNÁCULO (morada)
   a – E me farão um santuário, para que eu possa habitar no meio deles. Ex 25:8,9
   b – Propósito: remover pecado e culpa para termos comunhão e intimidade com Deus
   c – Santo dos Santos: a Mansão de Jesus, o lugar perfeito para nós hoje.
  
 II – NATAL: ENTRANDO NA CASA DO PÃO
      a – Isso requer busca: Vieram e perguntaram: onde está? Mat 2:1,2
       b – Isso requer reconhecimento de quem Ele é: Rei, Mt 2:2
       c – Isso requer adoração: viemos para adorá-lo, Mt 2:2
   
III – NATAL: O CAMINHO PARA ALGO MAIOR, Heb 9:1a9
         Na padaria temos a provisao completa para entrar no Santíssimo.
      a – Pão: alimento
      b – Altar do incenso: oração
       c – Luz: testemunho
     
Conclusão:  Com que consciencia vamos celebrar este natal? Será que ainda vamos
                     continuar com o mundanismo dominando nossa vida, ou vamos entrar
                     e viver no que Deus já preparou para nós?

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Depois deste natal, o Pão do Céu será o principal alimento da sua vida?
2 – Quanto incenso voce irá queimar para Deus depois desse Natal?
3 – O que vai influenciar as pessoas ao teu lado, a luz ou as trevas?

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: O QUE É IMPORTANTE NO NATAL

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
 O QUE É IMPORTANTE NO NATAL
LUC 12: 1a18; MT 2:1a11

Introdução: A religião cristã, essa mescla de histórias cristãs com mundanismo, perdeu
                      o real significado do Natal. Hoje Natal significa consumismo, tempo para
                      encontro social familiar, tempo de expectativa para ganhar presentes.  O
                      Natal preparado por Deus foi baseado em cumprir Sua Palavra, dar Seu 
                      melhor, salvar as pessoas, trazer alegria à terra. Porisso, alguns imperativos
                      do Natal são:  

I – QUE OS REIS OBEDEÇAM,  Luc 2:1a7
   a – Memo sem saber reis promulgam decretos do céu na terra
   b –.Sem saber reis movem a população e colocam as pessoas no lugar certo     
   c – Ainda que Reis pensem que estão gloricando a si mesmos, eles obedecem.
  
 II – QUE OS CÉUS GLORIFIQUEM, Luc 2: 8a14
      a – Os céus glorificam manifestando a gloria de Deus homens comuns, v.8,9
       b – Os céu glorificam produzindo temor a Deus na terra, v.9b,10a
       c – Os céus glorificam trazendo boas novas de grande alegria para a
             terra, v.10b,11    
       d – Os céus não se contém e adoram, v.12
       
III – QUE OS HOMENS TRAGAM SEU MELHOR, Mt 2:1a11
      a – Ainda que tenham que serem guiados por estrela, para trazer seu melhor, v.2
      b –  Ainda que tenham que fazer uma viajem de 
             2 anos v.7,16 tragam o melhor  
       c – Ainda que batam na porta errada, tragam seu melhor
       d – Ainda que venham de longe, se prostem e adorem, v.11a
      e – Ainda que venham de longe, abram seus tesouros: ouro, incenso e mirra, v.11b 
     
Conclusão:  Como vamos celebrar nosso natal? Como mais uma data centralizada em
                      nós mesmos ou como uma data adoração e alegria celestial?

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Em que área da tua vida o natal deste ano vai produzir obediencia?
2 – Como Deus será glorificado em sua vida neste natal?
3 – O que voce vai trazer de melhor para Jesus neste natal?

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: INTIMIDADE COM DEUS – 11

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
INTIMIDADE COM DEUS – 11
ROM 7:1-8:9; I COR 3:1a4

Introdução: No estudo passado vimos que tipo de pessoa nos tornamos quando
                      somos íntimos de Deus. Hoje veremos alguns dos “exterminadores
                      da Intimidade com Deus” em nossas vidas e a solução do problema.

I – PRIMEIRO EXTERMINADOR: A CARNE  
     Entendendo o que significa “carne” na Bíblia.    
   a – Carne significando “natureza pecaminosa”, Rom 7:1a8:9
      a.1 Essa natureza foi estabelecida no espirito humano por Adão e Eva
      a.2 A única solução para isso é o novo nascimento, Rom 6:1a7
   b – Carne significando “pecados da alma”
      b.1 Pessoas podem entender no espírito ou da alma, 1Cor 3:1a4,
      b.2 Decisões podem ser feitas na alma ou no espírito, Gal 5:13a17
   c – As decisões feitas pelo Espírito estabelecem, aumentam e mantém a
         intimidade com Deus.  

II – SEGUNDO EXTERMINADOR: A RELIGIÃO
       a - A religião coloca em destaque princípios e preceitos,  códigos e credos.
        b - A religião enfatiza o “fazer”
        c - A religião é o homem em busca de Deus    
        d -A religião termina com uma reforma exterior
        e - A religião diz: “alcance”, “tente”, “esforça-se”, “ desenvolva-se”,   “salve-se”.
        
III – NOSSA VITÓRIA CONTRA OS EXTERMINADORES: JESUS
      a – O Evangelho coloca em destaque uma pessoa:  JESUS.
      b – O Evangelho enfatiza a condição de  “ser.
       c – O Evangelho é Deus buscando o homem.
       d - O Evangelho termina com uma transformação interior.  
      e -   O Evangelho diz: , “obtenha”, “receba”, “confie”, “negue-se a si mesmo”,
       “entregue-se”.
     
Conclusão:  Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio
                     daquele que nos   amou. Rom 8:37.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Numa escala de 0 a 10, quanto estou andando no Espírito?
2 – Numa escala de 0 a 10, quanto sou religioso?

3 – Qual as duas principais coisas que farei para andar no Espírito e deixar de ser religioso(a)?
SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
INTIMIDADE COM DEUS – 10
I REIS CAP 17a21

Introdução: No estudo passado vimos como como é a intimidade, como Deus a
                      cultiva e como nós devemos cultivá-la. Hoje veremos que tipo de
                      pessoa nos tornamos quando somos íntimos de Deus. Para isso vamos
                      meditar sobre alguem que foi íntimo de Deus: o profeta Elias.
                        
I – INTIMIDADE TRAZ CLAREZA NA PALAVRA DE DEUS      
   a – A clareza vem da consciencia de estar na presença de Deus, 17:1a
   b – A clareza torna a Palavra de Deus nossa palavra, 17:1b
   c -  A clareza da Palavra nos dá segurança para dependermos de Deus 17:2a5
   e – A clareza da Palavra libera graça e provisao em qualquer circunstancia, 17:8a24

II – A INTIMIDADE NOS TORNA INSTRUMENTOS DE DEUS
    a – Instrumentos de correção, 17:1;18:2
    b – Instrumentos de benção para os fiéis, 18:4 a16a
    c – Instrumentos de ensino e exortação, 18:17,18
    d – Instrumentos de juizo, santificação e demonstração de quem Deus é, 18:18a40
    e – Instrumentos de restituição e restauração, 18:41a46
        
III – A INTIMIDADE NÃO NOS TORNA SUPER CRENTES
      a – Não impede a ação do espírito de medo, 19:1a3
      b – Como Jezabel libera o espírito de medo? 21:1a16
         b.1 Ela usa a baixa estima das pessoas para perverte-las, 21:7
         b.2 Ela perverte a verdade para conseguir seus objetivos, 21: 8a16
         b.1 Ela compra a pessoa para satisfazer desejos que não são de Deus, 21:20b
         b.2 Jezabel mata e rouba a herança da pessoas, Nabote e Elias
     
Conclusão:  Nossa intimidade com Deus nos torna instrumentos poderosos em
                     Suas mãos. Entretanto, devemos guardar nosso coração contra  o
                     Espírito que Jezabel libera: ele pode roubar nossa herança e destino.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Com que clareza estou ouvindo a Palavra de Deus?
2 – Numa escala de 0 a 10, quanto estou sendo instrumento de Deus?
3 – Qual é o meu maior ponto fraco que tenho que vigiar para não perder a benção?

INTIMIDADE COM DEUS – 09

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
INTIMIDADE COM DEUS – 09
JOAO 15:1a10

Introdução: No estudo passado vimos como podemos desenvolver nossa intimidade com
                      Deus. Neste estudo veremos como como é essa intimidade, como Deus 
                      a cultiva e como nós devemos cultivá-la.
                        
I – COMO FUNCIONA A VERDADEIRA INTIMIDADE, João 15:1,4,5      
   a – Jesus a videira verdadeira, 15:1; Col 3:11b
   b – Nós os ramos, 15:5a
   c -  Sem Jesus que é o tronco, não podemos existir como ramos, 15:4,5
   d – Esse é o maior relacionamento de intimidade possível.

II – COMO A INTIMIDADE É MANTIDA.
    a – Estai em mim, e eu, em vós, 15:4
    b – Se alguém não estiver em mim, 15:6; Joao 3:16a21     
    c – O Pai é o agricultor,15:1b
    d – A tesoura que limpa ou extermina é a Palavra, 15:3; Jo 12:47,48
    e - Sem intimidade, a tesoura de Deus extermina, 15:2ª
    f – O padrão para manter a intimidade é o mesmo de Jesus, 15:10
   
III – RESULTADOS DA INTIMIDADE
      a – Muito fruto, 15:2b,5b,8b
      b – Nos tornamos discípulos, 15:8c
      c – Nenhuma restrição em nossos pedidos, 15:7b
      d – Somos amados e permanecemos no amor, 15:9
            
Conclusão:  Nossa intimidade com Deus é desenvolvida na medida em que deixamos
                     o Espirito Santo assumir a liderança de nosso espírito humano: “O espírito
                     do homem é a lâmpada do SENHOR, a qual esquadrinha todo o mais
                     íntimo do corpo”, Prov 20:27.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Numa escala de 0 a 10, como estou mantendo minha intimidade com Deus?
2 – Qual a principal área de minha que preciso que o Pai me limpe?
3 – O que vou fazer para colocaborar com o Pai nessa limpeza?

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: INTIMIDADE COM DEUS – 08

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
INTIMIDADE COM DEUS – 08
Sl 35:11a18, Luc 22:41a52, Num 8:1 a 9:14
Introdução: No estudo passado vimos como a intimidade com Deus leva a
                      pessoas a se tornar alguém segundo o coração de Deus, estudando
                      as tres caracterísitcas da vida de Ananias. Hoje vamos ver como
                      podemos desenvolver nossa intimidade com Deus.
                        
I – ABERTURA, VULNERABILIDADE E HONESTIDADE, Sl 35:11a18
      Como Davi foi um homem segundo o coração de Deus? 3 áreas de sua vida:
   a – Quando sofria oposição de quem paga o bem por mal, v:11a14
      a.1 Quando levantam calúnias, v.15b
      a.2 Quando zombam, v.16a
   b – Orações não respondidas, v.13
      b.1 Até quando Deus não fará nada? V.17
   c -  Nossas falhas, v,15
   d – Em tudo isso vou dar graças, v.18
 
II – CRESCER EM SABEDORIA, Luc 2:41 a 52
    a – A sabedoria vem pelo ouvir, v. 41a46
    b – A sabedoria conduz à simplicidade, v.49
       b.1 Conhecimento vem do simples para o complexo
       b.2 Sabedoria vem do complexo para o simples
    c – A sabedoria não é só conhecimento intelectual, v.51
       c.1 Sabedoria tem a ver com a vida como um todo, submissão
    d – A sabedoria deve crescer diante de Deus e dos homens, v. 52
   
III – PARE E ESCUTE, Num 8:1 a 9:14
      a – Falou o Senhor a Miséis: 8:1;8:5;8:22;9:1;9:9;
      b – Ouvir é melhor, Ecl 5:1a7
      c –  Fale, medite e faça o que a Bíblia diz, Josue 1:8
     
Conclusão:  Nossa intimidade com Deus é desenvolvida na medida em que deixamos
                     o Espirito Santo assumir a liderança de nosso espírito humano: “O espírito
                     do homem é a lâmpada do SENHOR, a qual esquadrinha todo o mais
                     íntimo do corpo”, Prov 20:27.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Quais dos 3 pontos do estudo tenho mais necessidade de desenvolver?
2 – Quais as 2 maiores coisas que bloqueiam esse maior ponto?
3 – Quais as 2 principais coisas que farei para desbloquear esse ponto?

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: INTIMIDADE COM DEUS – 07

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
INTIMIDADE COM DEUS – 07
ATOS 9:10a19

Introdução: Intimidade com Deus leva a pessoas a se tornar alguém Segundo o coração
                     de Deus. Quais são as características que levam alguém a se tornar assim?
                     Vamos ver algumas caracterísitcas de Ananias para entender um pouco mais.
                        
I – PRIMEIRA CARACTERÍSTICA: SER DISCÍPULO, At 9:10
      Discípulo é ser aluno, aprendiz. O Discipulado tem requerimentos:
   a – Requerimento 01: Amar a Deus mais do que qualquer um, Luc. 14:25,26
      a.1 O teste da devoção: Gen 22:1a18
   b – Requerimento 02: Negue-se a si mesmo e tome sua cruz, Mt. 16:24a26
   c -  Requerimento 03: Submeter tudo o que tem a Deus, Luc. 14:33
   d – Requerimento 04: Calcule o custo, Luc 14:28
   e – Benefícios do Discipulado.

II – SEGUNDA CARACTERÍSTICA: DISPONIBILIDADE, At 9:10
    a – Disponibilidade nos coloca dentro do nosso destino, Gen 12:1a9; Mt 4:18a22; Luc 26a38
    b – É a disponibilidade que nos permite ouvir a Deus, At, 9:10   
    c – Disponibilidade é parte da obediencia, Mt 8:821,22; At 16:9,10
   
III – TERCEIRA CARACTERÍSTICA: COOPERADOR COM DEUS, At 9:11a16
      a – O cooperador conhece os segredos de Deus, At 9:11
      b – O cooperador é incluido nas revelações de Deus, At 9:12
      c –  O cooperador recebe instruções clara do Senhor, 9:13a16
      d - Deus coloca sua unção nas mãos do cooperador, At 9:17a19
      e - O cooperador é honrado sem medida por Deus, I Reis 3:5a14
     
Conclusão:  Não sabemos pela bíblia o que Ananias fez a mais para Deus, porém pense
                     Em quem foi Paulo. Ainda isso fosse a unica coisa que aconteceu a Ananias,
                     Imagine quem é ele no Reino dos Céus.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Quais são algumas das minhas características que demonstram minha intimidade 
      com Deus?
2 – Quais as 2 maiores coisas que bloqueiam minha vida de intimidade com Deus?
3 – Quais as 2 principais coisas que farei para desbloquear minha intimidade com Deus?


SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: INTIMIDADE COM DEUS – 06

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
INTIMIDADE COM DEUS – 06
PROVÉRBIOS 2:1a5

Introdução: Como crescer na intimidade com Deus? O texto de provérbios no qual
                     vamos meditar nos dá o caminho a seguir.
                        
I – UMA VIDA DE OBEDIÊNCIA, Prov.2:1
   a – Esse texto começa com a declaração de quem somos: filhos
   b – Depois segue com uma condição: se aceitares
   c – Depois a decisão de quanta importancia daremos: esconderes.
   d -  Por último temos o conteúdo: mandamentos do Pai.

II – UM CORAÇÃO ENSINÁVEL, Prov. 2:2,3
    a – Aprender requer atenção, o Espírito Santo ensina João 16:13,14
    b – Requer inclinar (aproximar) o ouvido, I Cor 2:9,10
    c – Requer clamor, desejo ardente, Jer 33:3, Sl 50:15
   
III – UMA BUSCA INCANSÁVEL PELAS COISAS DE DEUS, Prov. 2:4
      a – Buscar como quem busca um tesouro, Mt 13:43,44
      b – Buscar demanda disposição, decisão, I Cro 22:19, Col 3:1,2
      c – Uma busca orientada pela Palavra de Deus, 2Tess 2:4,5

Conclusão:  O versiculo 5 diz “então, entenderás o temor do SENHOR e acharás o
                     conhecimento de Deus”.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – Qual das tres etapas acima é meu maior problema para ter  intimidade com Deus?
2 – Quais as 2 maiores coisas que bloqueiam essa área em minha vida?
3 – Quais as 2 principais coisas que farei para resolver o problema?

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA: INTIMIDADE COM DEUS - 05

SE ALIMENTANDO DA PALAVRA:
INTIMIDADE COM DEUS - 05
JOAO 17a1a26

Introdução: João capítulo 17 é conhecido como a “Oração Sacerdtal de Jesus”. Nessa
                      Oração Jesus nos dá alguns “segredos” de sua intimidade com Deus e  
                      nos mostra como nos recolheu nesse círculo de intimidade: Is 43:1a7.
                        
I – O PRIMEIRO SEGREDO: A GLÓRIA DE DEUS, 17:1a5
   a – A razão de existirmo é a Glória de Deus, Is 43:1a7
   b – Porém só podemos glorificar a Deus se Deus nos glorificar primeiro 17:1
   c – Ele nos glorifica nos “dando autoridade” para fazermos sua vontade 17:2a4
   d -  E a missão é ter uma familia de muitos filhos semelhantes a Jesus Rom 8:30
   e – Glória antes que houvesse mundo, 17:5

II – SEGUNDO SEGREDO: A PALAVRA DE DEUS, 17:6 a 17
    a – A Glória de Deus só pode ser manifestada pela Palavra, 17:6,7
    b – Temos Palavras específicas de Deus para transmitir, 17:8a10
       b.1 Pelas Palavras saberão quem somos
       b.2 As Palavras nos dão o verdadeiro motivo de intercessão
       b.3 Pela Palavra todas as coisas de Jesus são nossas
    c – É pela Palavra que somos santificados, guardados e temos alegria completa v.11a17
   
III – TERCEIRO SEGREDO: O FOCO NA MISSÃO, 17:18a26
      a – Temos a mesma missão e unção para cumpri-la, 17:18
      b – Jesus se santificou e intercede pela nossa missão, 17:19,20
      c –  É nosso envolvimento na missão que produz glória e unidade, 17:21a23
      d – Ultimas frases da oração: conhecer a glória e o amor, 17:24a26.

Conclusão:  Certamente, o SENHOR Deus não fará coisa alguma, sem primeiro revelar o
                      seu segredo aos seus servos, os profetas. Amós 3:7. Nós somos seus profetas
                      aqueles que levam Sua Palavra ao mundo.

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – O quanto já conheço dos “segredos” da intimidade com Deus?
2 – Quais as 2 maiores coisas que me impedem de conhecer os segredos de Deus?
3 – Quais as 2 principais coisas que farei para conhecer mais Seus segredos?