DIZIMO: A LEI DA GRAÇA DE DEUS

DIZIMO: A LEI DA GRAÇA DE DEUS
Genesis 47:13a25; Malaquias 3 
Introdução: A lei é a expressão do caráter de Deus, e portanto, em sua essência demonstra
                      igualmente o Seu amor. A grande confusão é que pensamos que alguém pode
                      cumprir a lei pela carne. A Bíblia ensina que o preceito da lei se cumpre “…
                      em nós, que não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito”. 
                      Rom 8:4. A obediencia da fé cumpre a lei. O fruto do ES é o cumprimento 
                      da lei.
                     
I – O DÍZIMO COMEÇA COM QUEM SOMOS, Gen 47:13a25
      José um tipo de Jesus que comprou tudo para Deus
   a – Estavamos desfalencendo na terra, 47:13
   b – Acabou-se o dinheiro, 47:14,15
   c – Acabaram-se nossos bens, 47:16,17
   d - Não temos nem mais a nós mesmo e nossa terra, 47:18,19
   e – Somos servos, 47:20
   f – Então José faz uma lei, dá um mandamento, 47:23,24
   g – A attitude dos servos para com a nova lei, 47:25
  
 II – O DÍZIMO PROSSEGUE COM QUEM JESUS É, Malquias 3:1a18
      a – O mandamento do dízimo começa com o estabelecimento de Jesus. v.1a5
      b – A maldição da infidelidade, v.6a9
      c – As bençãos da fidelidade, v.10a12
      d – As palavras da desobediência, v. 13a15
      e – As palavras dos que temem ao Senhor, v.16
   
      Conclusão: Eles serão para mim particular tesouro, naquele dia que prepararei,
                          diz o SENHOR dos Exércitos; poupá-los-ei como um homem poupa a
                          seu filho que o serve. Então, vereis outra vez a diferença entre o justo
                          e o perverso, entre o que serve a Deus e o que não o serve. Mal 3:17,18

PERGUNTAS PARA MEDITAÇÃO

1 – De acordo com Genesis e Malaquias, que tipo de servo(a) eu sou?
2 – Quais as 2 maiores coisas que me impedem de ser fiel ao Senhor?
3 – Quais as 2 maiores coisas que farei para andar mais sob a direção do Senhor?